Número total de visualizações de página

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Carta Aberta VIII - Sr. Presidente C.M.Penamacor

Sr Presidente
Desde Dezembro de 1985, foi nessa data a última vez que votei, que guardava religiosamente o meu cartão de eleitor, aqui em casa, numa gaveta, junto com outros, já caducados, documentos.
E, porque me fartei de demagogias, de falsas promessas, de ser vítima de opções erradas e autoritárias, por parte de sucessivos governantes, decidi, como forma de ajudar à mudança, participar activamente na discussão da escolha, com a consequente ida ás urnas, depositar o meu voto. Isso fiz em consciência, no passado dia 27, aí em Penamacor, pois é aí que estou recenseado. Sinto orgulho em viver há 26 anos neste Alentejo Litoral, em Vila Nova De Santo André, terra que vi crescer e desenvolver-se, mas que ainda não consegui adoptar como minha.
O meu amor continua nessa terra que me viu nascer, e pelas gentes dessa terra.
Foi durante essa curta estadia, de três dias, que reparei num gigantesco out-door colocado em frente à: “A Selva da República”, outrora “O Jardim da República”, com um vistoso e enganoso título:
“A OBRA ESTÁ À VISTA”.
E que obra, Sr. Presidente?
Via estruturante sul!? Outro mamarracho, uma boa ajuda a quem mais depressa queira sair, para engordar a desertificação.
Centro Educativo…, começaram as obras, verdade; seguirão o exemplo das obras do salão Paroquial? Nunca mais acabam...
Reabilitação do Ex-quartel.
Sonhei em ver nascer ali, a Pousada de Santo Estevão Impressionante como sobressai nessa foto, em fundo, o casario em ruínas do Cimo de Vila. Ficaram por fazer, as necessárias alterações ao PDM, o que temos migrou de qualquer lado e aterrou aí de para quedas, que permitiriam corrigir muitas situações que por aí se encontram. Nada se faz, porque nada deixam fazer. Mas, falta nesse out-door, a foto da maior obra feita em Penamacor:
O colossal mamarracho do Sumagral.
Ou será que não foi colocada, a foto, porque efectivamente o mamarracho vai abaixo? Eu acredito piamente que irá!
Sr. Presidente
Mamarracho demolido, voto obtido.
Acredito que as coisas mudarão. E por acreditar, dia 11 de Outubro, farei mais um esforço, em tempo, kilometros, dinheiro, e voltarei a usar o meu cartão de eleitor, na freguesia de Penamacor. Sou daqueles que não troca o certo pelo incerto, a firmeza pela indecisão, a autoridade pelo autoritarismo, o diálogo pelo silêncio, o dinamismo pelo conformismo.
Penamacor precisa de regressar ao caminho do progresso, e isso só poderá fazer-se com os pés bem assentes na terra, ou seja, sem promessas vãs e sem optimismos que só pretendem mascarar a realidade. Tenho todas as razões para acreditar com esperança no futuro.
Quero ver trabalho empenhado na afirmação de Penamacor e de todas as freguesias do seu concelho. Quero ver uma aposta numa gestão pública inovadora, com a participação de todos.
Quero ver promoção e incentivos a dinâmicas sociais e comunitárias.
Quero ver planos e projectos para o presente e o futuro do concelho de Penamacor.
Quero ver um compromisso sério.
Quero ver em força:
Todos pelo concelho de Penamacor.
Todos por Penamacor.

Zé Morgas

2 comentários:

  1. Politicamente ...inquietante. Ou irreverente? Pela positiva. Idéias bem alinhadas e explicadas. Inconformismo quanto baste. Muita clareza e objectividade. Espírito crítico penetrante. Uma pitada de sonho. Pois, há quem sonhe acordado... E porque não?
    Abraço do teu Amigo.

    ResponderEliminar
  2. Caro Zé Morgas,
    Tive o prazer de teconhecer no passado fim de semana de 3 a 5 de Outubro no café em frente ao dito "monumento" atarvés de um amigo comum, o J Penedo, o qual teve a gentileza de me convidar para passar um fim de semana em Penamacor. Confesso que enquanto estva cá fora a ver o meu belém a empatar com o sporting, ouvi a conversa do mamarracho, mas não fazia ideia do que era, e ele alí tão perto! Quando tomei consciencia do que era o dito, não podia estar mais de acordo com o teu ponto de vista. Como é que um "autarca" pode estar ciontente quando gasta o dinheiro (seja lá de quem for) a fazer mamarrachos? Continua com a tua luta.
    Abraçao
    Pedro Gaspar

    ResponderEliminar